PROGRAMA COMUNITÁRIO PELA VALORIZAÇÃO DA VIDA

CONCURSO DE POESIAS - 2004

REGULAMENTO

1. Tema: “Água, fonte de vida”

2. Objetivo:
Repensar a água como necessidade primária à vida, incentivando o jovem a trabalhar a questão sob nova óptica, baseada no valor da vida, no respeito aos direitos e à dignidade da pessoa humana. O próprio apelo ecológico do tema se mostra vital para construir a compreensão e o respeito pelo espaço comunitário, que nada mais é do que nosso “ecossistema social”. Destarte, o aprendizado da participação comunitária, da solidariedade, a coordenação das idéias e a expressão dos sentimentos na linguagem poético-literária levará os participantes a reconhecerem e partilhar os dons da vida.

3. Justificativa:

Não nos cabe mais manter uma postura contemplativa. A vida moderna nos impele a sairmos da reflexão. A busca da participação comunitária na resolução dos problemas sociais que nos afligem é um aprendizado diário que deve ser praticado e incentivado por todos nós, quer na qualidade de cidadãos, quer na de agentes públicos. A cidadania, entendida como o cumprimento dos deveres e o exercício dos direitos de cada um de da sociedade como um todo é um dos aspectos mais marcantes da Democracia. O Concurso de Poesia vem facilitar a prática da participação e fornecer um canal de comunicação ao jovem, aprisionado pela violência na sua rotina de vida. A prevenção da violência se faz de modo prático e coerente com a necessidade juvenil de expor seus sentimentos usando as mais diversas formas de expressão. Ademais, nada como um tema de tal modo atual, lançado pela CNBB na Campanha da Fraternidade 2004, e que diga respeito a todas as camadas sociais e faixas etárias para instaurar esta discussão comportamental.


4. Da Participação:

Podem participar do Concurso de Poesias, alunos regularmente matriculados nas escolas vinculadas às Diretorias de Ensino Norte 1, Centro Oeste, Coordenadoria Municipal de Educação de Perus, Coordenadoria Municipal de Educação de Pirituba e Coordenadoria de Municipal de Educação da Lapa (região compreendida na área de atuação do CPA/M-5), nos cursos: Ensino Fundamental (3ª a 8ª série) e Ensino Médio (Regular e Supletivo), conforme as categorias:
• Categoria I: Ensino Fundamental – 3ª a 5ª série
• Categoria II: Ensino Fundamental – 6ª a 8ª série (Regular e Supletivo)
• Categoria III: Ensino Médio (Regular e Supletivo)

5. Da Poesia e Entrega:

a. Cada aluno poderá concorrer com apenas uma poesia, em uma lauda (no máximo trinta linhas) - referência básica;
b. A poesia será avaliada quanto à originalidade, criatividade, coesão e coerência temática;
c. Deverão ser entregues duas cópias de cada poesia em envelope contendo:
1) uma cópia da poesia digitada em Software Word 2000 ou mais recente, (? Microsoft), em fonte Times New Roman, Tamanho 12, com espaçamento duplo, entregue em papel tamanho A-4 com identificação do aluno na parte inferior (nome completo), curso, série, professor (nome completo) e escola (nome, endereço, telefone e correio eletrônico).
2) Outra cópia nas mesmas condições acima, porém SEM NENHUMA IDENTIFICAÇÃO, para garantir e manter a lisura no julgamento.
3) Um disquete de 3 ½ etiquetado (nome da escola, telefones e responsável), contendo todos os trabalhos inscritos pela escola IDENTIFICADOS conforme o item 1 acima.
d. Os trabalhos deverão ser entregues aos cuidados da Comissão Julgadora no local abaixo, de segunda a sexta-feira, das 08:00 h às 17:00 h, até dia 25de junho de 2004 (às 17:00 h)
? Sede do 4º BPM/M - R. Tomé de Souza, 1.420 – City Lapa - fone: 3834 2411e 3834 4889.

6 – Da Avaliação:

Cada Escola será responsável pela ampla divulgação do tema, pela orientação e preparação dos alunos, pela avaliação inicial, orientação e pela seleção dos três melhores trabalhos por categoria - ( Comissão interna mínimo três professores), devendo encaminhá-los à Comissão Julgadora.

7 – Do Julgamento:

O Coordenador da Comissão de Julgamento será o Jornalista UBIRAJARA DE OLIVEIRA, Diretor do Jornal da Gente.
Um júri composto por personalidades da região, elegerá entre todos os trabalhos inscritos, os três melhores de cada categoria, considerando: criatividade, originalidade, coesão e coerência temática.

8 -Prazos e Cronograma:

- Dia 05 de abril de 2004 - Lançamento do concurso.
- Dia 10 de abril de 2004 – Início da divulgação do Concurso junto às escolas.
- Dia 25 de junho de 2004 (às 17:00 h) – Entrega dos trabalhos no 4º BPM/M
- Mês de Julho de 2004 – Julgamento.
- Mês de Agosto de 2004 – Premiação no Olympia.

9. Da Premiação:

Categoria I - Ensino Fundamental (3ª, 4ª e 5ª série)
1º colocado – um Computador Pentium
2º colocado – um rádio portátil 3 em 1
3º colocado – um violão

Categoria II - Ensino Fundamental (6ª, 7ª e 8ª série)
1º colocado – um Computador Pentium
2º colocado – rádio portátil 3 em 1
3º colocado – um violão

Categoria III - Ensino Médio (1º, 2º e 3º ano ou supletivo)
1º colocado – um Computador Pentium
2º colocado – rádio portátil 3 em 1
3º colocado – um violão
Torcida Organizada
Será premiada a Torcida mais organizada e animada dentre as escolas concorrentes quando da entrega de prêmios no Olympia. Os critérios serão: Alegria, Descontração, Respeito mútuo entre torcidas, Educação, Espírito de Equipe e Criatividade. O prêmio de um computador será destinado ao Grêmio Estudantil da Escola.

Professor
Um professor, dentre os 15 professores dos alunos finalistas (nove de poesia e seis de desenho) será, mediante sorteio, premiado pelo esforço, dedicação, empenho e participação, com um computador.

10 - Prescrições Diversas:

A decisão do júri é soberana, não cabendo recurso em qualquer instância.
As poesias inscritas e ou selecionados poderão ser utilizadas pela Comissão julgadora e organizadora do concurso, objetivando a divulgação dos trabalhos comunitários executados, sem fins comerciais.
Os coordenadores do concurso representarão, para todos os fins, os atos referentes ao desenvolvimento do concurso, exposição dos trabalhos, seleção, classificação final e premiação.
Poderão ocorrer alterações no decorrer do concurso, desde que haja concordância da maioria dos representantes da comissão e não acarretem prejuízos aos participantes.

São Paulo, 26 de março de 2004.

Coordenação:

Walkyria Catani Ivanaskas
Diretoria de Ensino Centro Oeste
Fátima Lopes Santos
Diretoria de Ensino Norte 1
Rosely Fátima dos Santos Arrojo
Coord. de Ensino Municipal Perus
Ítalo Del Monte
Coord. de Ensino Municipal Lapa
Fátima Aparecida Antônio
Coord. de Ensino Municipal Pirituba
Lídia Maria Antongiovanni
Coord. de Ensino Municipal Butantã

Organização:

Carmem Cecília de S. Amaral
Região Episcopal Lapa
Fernando Rodrigues de Oliveira Braga
CONSEG Vila Pereira Barreto
Helena Maria Diniz Paniza
OAB - Lapa
Robinson Pomílio
4º Batalhão – Programas Educacionais
Ubirajara de Oliveira
Revista D’Aqui Lapa
José de Oliveira Júnior
Jornal da Gente
Luiz Nakaharada
4º Batalhão – Comandante
Denis Mizne
Presidente – Instituto Sou da Paz
Wanderley Medeiros
16º Batalhão - Comandante
José Roberto Monte Oliva
4º Batalhão – Subcomandante
Wilson Corrêa Leite Júnior
4º Batalhão – Coordenador Operacional
José Benedito Morelli
Presidente – CONSABS